23 de nov de 2009

Diversidade sexual, homofobia e nazismo: caminhos de um debate



   Nesta quinta-feira, 26 de novembro, o Gupo Universitário de Diversidade Sexual Primavera nos Dentes em conjunto com a Contemporâneos realizarão o evento Diversidade Sexual, Homofobia e Nazismo: caminhos de um debate.

8 de nov de 2009

Ato público lança grito contra homofobia

O grupo universitário de diversidade sexual Primavera nos Dentes e parceiros convocam a todos para participar de ato público contra homofobia nesta quarta-feira, 11 de novembro, no barzinho do DCE, entre 12h e 14h.

4 de nov de 2009

Nota de Repúdio da diretoria LGBT da UNE contra ato de Homofobia na Marcha Nico Lopes - UFV‏

   A 1ª Diretoria LGBT da União Nacional dos Estudantes vem repudiar o ato de homofobia ocorrido na Marcha Nico Lopes, evento político cultural de tradição realizado na Universidade Federal de Viçosa – MG.

3 de nov de 2009

Mensagem do Reitor Luiz Cláudio sobre o caso de homofobia na Nico Lopes

Transcrevemos aqui, para conhecimento de toda comunidade universitária, a resposta do Reitor Luiz Cláudio Costa ao lamentável episódio de homofobia ocorrido durante a Marcha Nico Lopes. Na ocasião, estudantes universitários atearam fogo à bandeira do Orgulho Gay, sob comentários de explícita homofobia.
Prezados Estudantes,

Estou tomando conhecimento, neste momento, do lamentável e inaceitável ato de homofobia ocorrido durante a Marcha Nico Lopes. Gostaria portanto de esclarecer que se soubesse do incidente antes da minha fala no ato realizado na avenida Santa Rita teria deixado claro meu repúdio ao mesmo, o que faço agora. A Homofobia, além de ser um crime (sic) é em todos os sentidos um ato que não podemos admitir na sociedade, e muito menos na Universidade Federal de Viçosa. No que se refere ao caráter da Marcha Nico Lopes, tenho o entendimento que é um espaço de luta política, o que tenho manifestado por reiteradas vezes. No entanto, o respeito que tenho pelo movimento estudantil, demanda, da mesma forma que faço com o movimento dos servidores e professores, respeito pelo que é organizado pelo órgãos representativos dos segmentos. Cabendo à reitoria o apoio estrutural possível, que este ano, por ser a comemoração dos 80 anos da Marcha, entendemos que a programação cultural, com a presença de Alceu Valença, faria justiça a essa manifestação estudantil tão importante para Viçosa e para o País. Ao finalizar reitero, mais uma vez, o meu repúdio ao ato de Homofobia aqui relatado.

Luiz Cláudio Costa
Reitor da UFV

1 de nov de 2009

Homofobia em marcha estudantil da UFV

   No último sábado, dia 31 de outubro, uma bandeira do Orgulho Gay foi queimada por, segundo testemunhas, três estudantes universitários durante o evento Marcha Nico Lopes 2009, organizado pelo Diretório Central dos Estudantes da Universidade Federal de Viçosa. O DCE-UFV, responsável pela marcha, que deveria possuir caráter essencialmente político, foi informado por três vezes sobre o ocorrido e nada fez.